Blog SAE Digital
menina utilizando tablet; tecnologia na escola

Como o sistema de ensino pode ajudar você a implementar tecnologia na escola?

A utilização de ferramentas digitais como aliada do processo de aprendizagem já passou da fase de tendência e adentrou o campo da necessidade, já que cada vez mais a tecnologia faz parte das tarefas mais simples do dia a dia.

Mais do que simplesmente uma questão de engajamento do aluno, a tecnologia na escola tem a finalidade de auxiliar na construção do conhecimento e fornecer novos caminhos para o ensino.

Contudo, muitas escolas ainda encontram dificuldades em relação à maneira de implementar a tecnologia e, mais ainda, que tipo de tecnologia é realmente efetiva e relevante para esse processo. Como solução, alguns sistemas de ensino oferecem facilidades que servem de apoio para a escola, principalmente na implantação dessas novas ferramentas, e de suporte no decorrer de sua utilização.

Elencamos algumas formas por meio das quais o sistema de ensino pode contribuir para a introdução da tecnologia na escola. Confira!

1) Fornecimento de recursos tecnológicos embutidos

Não precisar desenvolver a própria tecnologia já é um alívio para as instituições de ensino.

Por isso, utilizar um sistema de ensino que já forneça softwares e objetos digitais visando à utilização integrada ao material didático garante melhor aproveitamento nas aulas e real interação com o conteúdo, sendo um passo à frente para as escolas que desejam implementar a tecnologia de maneira mais prática e efetiva.

A diversidade de recursos também é um diferencial, já que a capacidade de um sistema de ensino de produzir uma gama mais diversificada de aplicações tecnológicas tende a ser maior do que a de uma escola que decida se aventurar por esses caminhos.

 2) Qualificação e treinamento dos professores para a utilização da tecnologia na escola

De nada adianta oferecer mil e uma utilidades tecnológicas se elas não forem aplicáveis em sala de aula pelos docentes. Por essa razão, uma equipe de professores qualificada faz toda a diferença na administração efetiva da tecnologia na escola.

Geralmente, sistemas de ensino possuem um time de assessoria pedagógica apto a treinar e qualificar a equipe de professores para usufruir da maneira mais proveitosa possível dos recursos digitais disponibilizados. Assim, a instituição de ensino pode se sentir segura por estar disponibilizando aos seus alunos os materiais mais modernos e os professores mais preparados.

3) Suporte constante durante o uso da tecnologia na escola

Um dos pontos mais relevantes em que se pode contar com a ajuda do sistema de ensino para a implantação segura da tecnologia na escola é o suporte técnico disponibilizado.

A utilização de recursos digitais está esporadicamente sujeita a falhas, sobrecargas e erros e, de modo que, caso ocorram esses imprevistos, sempre é bom poder contar com um suporte técnico especializado para resolver a situação e normalizar o uso das aplicações.

4) Disponibilização do conteúdo impresso em formato digital

Os livros digitais já deixaram de ser novidade há algum tempo, mas a disponibilização de formatos digitais dinâmicos (por exemplo, o Html5 em vez de um simples PDF), que permitem a resolução de exercícios e interação com o conteúdo de formas diversas (como por meio da utilização de objetos digitais e realidade aumentada), exige mais investimento e maior nível de especialização.

Alguns sistemas de ensino já disponibilizam esse formato para suas parceiras, facilitando ainda mais a introdução da tecnologia na escola.

5) Ambientes virtuais alinhados com o conteúdo dado em sala de aula e que possibilitam aos alunos a navegação online

Pelo fato de os sistemas de ensino serem os produtores e idealizadores tanto do material impresso quanto das tecnologias que o acompanham, seus recursos tendem a ter maior sintonia entre o impresso e o digital, garantindo a coesão dos conteúdos.

Assim, os ambientes virtuais permitem aos alunos experimentar novas formas de interação com as disciplinas, pois neles é possível resolver exercícios, assistir a diversos vídeos ou videoaulas, divertir-se com jogos etc., tudo voltado à otimização da aprendizagem.

6) Facilidade de utilização em plataformas diversas (celular, tablet, notebook etc.)

Um bom sistema de ensino será sempre comprometido com a facilitação da utilização de seus recursos. Por essa razão, é imprescindível que esses recursos sejam utilizáveis nas mais diversas plataformas (hardware), como computadores, smartphones e tablets, facilitando ao estudante e ao professor a utilização do equipamento disponível, sem que ambos fiquem presos a um único dispositivo.

Essa questão influenciará diretamente o engajamento dos alunos na utilização da tecnologia disponibilizada. Poder usar o próprio celular como forma de aprender, facilitando o acesso e adquirindo autonomia, gera muito mais interesse nos jovens.

 

Não é mais possível conceber um ambiente de aprendizado sem a utilização das ferramentas tecnológicas – pelo menos não sem parecer cada vez mais desinteressante e penoso às crianças e aos adolescentes.

Sabemos que, para a escola, é difícil fazer essa transição tecnológica sem qualquer ajuda, por isso o sistema de ensino surge como uma solução capaz de oferecer a qualificação e os recursos necessários a fim de que a escola esteja preparada para receber essa geração de alunos conectados.

E o seu sistema de ensino, tem sido um facilitador da tecnologia educacional? Inscreva-se na nossa Newsletter se quiser receber mais conteúdos como este.

banner infografico

Daniela Coraiola

Advogada e atriz curitibana, convicta de que só a educação pode transformar a realidade.

2 comentários

  • Os aspecto humano mais instrínseco que há é, sem dúvida, o social.
    O ser humano foi criado para viver socialmente, está em nós, é de nossa mais rudimentar natureza e nos remete aos primórdios mais profundos e distantes.
    Ensinar e instruir são antes de tudo, sinônimos de anunciar sentenças, apregoar verdades, enfim, comunicar.
    A tecnologia da qual testemunhamos, e dela desfrutamos, é sobremaneira, e essencialmente, comunicativa. Em seu comentário a professora foi muito feliz, pois, embora ela reconheça que há um entravamento na modernização escolar, ela vê como necessária e urgente esta renovação. O futuro, tão temido, chegou, e está em nossas salas de aula com um moderno celular na mão esperando apenas que apertemos o play!

    • Olá, professor Mário!

      É isso mesmo, temos que estar abertos à renovação de nossas práticas pedagógicas para absorver a modernidade que chegou.
      Muito obrigada pelo seu comentário.

      Continue contribuindo com a gente.